Portal do Governo Brasileiro

OK

09/12/2014
Portal da Transparência traz mudanças que tornam navegação mais rápida e intuitiva

Alterações entram no ar a partir desta terça-feira (09/12). Site completa uma década em 2014.

A partir desta terça-feira (09/12), o Portal da Transparência do Governo Federal, mantido pela Controladoria-Geral da União (CGU), apresenta alterações em sua página inicial. As mudanças têm por objetivo tornar a navegação mais rápida e intuitiva aos usuários. A iniciativa faz parte das melhorias promovidas no site, que em 2014 completa uma década de criação, e recebe, mensalmente, mais de 1,2 milhão de acessos.

Entre as novidades, está a criação da aba “Sanções”, que reunirá num único lugar as consultas ao Cadastro Nacional de Empresas Inidôneas e Suspensas (CEIS), ao Cadastro de Entidades Privadas Sem Fins Lucrativos Impedidas (CEPIM) e Cadastro de Expulsões da Administração Federal (CEAF).

Outra mudança foi a disposição, apenas na lateral direita do site, de uma barra de links úteis. Os ícones redirecionam o cidadão ao Portal da Copa (2014), Portal das Olimpíadas (2016), Rede de Transparência, Portal de Acesso à Informação, Páginas de Transparência Pública, Olho Vivo no Dinheiro Público, Brasil Transparente e formulário de Denúncias. Nesse mesmo local, há um botão para o cadastro da mala direta que permite receber, por e-mail, informações sobre liberações de recursos para convênios de um determinado município.

Também foi criada a aba “+ Consultas”, que traz a lista dos imóveis funcionais de propriedade da União. Já a pesquisa aos imóveis dominiais, por estar hospedada fora do Portal da Transparência, foi movida para a seção Rede de Transparência, junto a outros links importantes.

A “Transparência nos Estados e Municípios” foi incluída na seção “Consultas Temáticas”, dentro da aba “Despesas”. É no mesmo local que permite pesquisar transferência de recursos ou gastos diretos do governo em situações específicas, a exemplo do Programa Bolsa Família, Garantia Safra, Diárias Pagas, Cartão de Pagamento da Defesa Civil, entre outros.

Também na aba “Despesas” foi criada a “Consulta por Função Orçamentária”. A nova pesquisa permite ao cidadão ver os repasses federais por Função (Área) e Subfunção (Finalidade).

voltar para o menu acessível